14/10/2013

HMB e amigos do coração

(HMB © Hugo Moura)

Aqui me confesso: sou uma apaixonada pela música directamente da alma, com paragem obrigatória nos assuntos do coração. Foi, por isso, um enorme prazer quando vi a programação para este sábado à noite, com HMB no Hard Club.

Passemos às apresentações, desta vez simples e objectivas. HMB, a banda liderada por Héber Marques na voz cuidada e sincera, é a representação fiel do Soul em português, sem grandes rodeios. E faz-se acompanhar da melhor das parcerias, com Frederico Martinho na guitarra, Daniel Lima nos teclados, Joel Silva na bateria e o pequeno grande Joel Xavier (ou X) no baixo. Conseguem juntar o sentimento mais puro do Hip Hop e do R&B, certeiro nas opções sonoras e linguísticas, assim como numa das minhas músicas favoritas deles, CDQP:


Sim, tenho grandes interesses em falar sobre esta banda. Primeiro, vão directos aos meus gostos e fazem-no duma forma, na minha modesta opinião, notável e ilustre. Ainda que sejamos um país não muito dado a este género de música, penso que isso está a mudar bastante, e ainda bem. Consigo imaginá-los no futuro a continuar a abrir portas, consciências e mentalidades.

Depois, tenho ali dois queridos nas teclas e na guitarra, o meu primeiro Fred e o Dani, que me enchem de orgulho de "mãe galinha", a amiga que os meus amigos conhecem. Mais do que isso, tenho o irmão que me ajudou a crescer enquanto "cantora" (ou o que me queiram chamar), a pessoa que me impulsionou para ser o que sou hoje, um tema já algo abordado aqui. Para mim, foi também voltar um pouco ao passado, um passado feliz e recheado de recordações boas, que me fez sorrir muito e aplaudir ainda mais, como uma fã muito vaidosa.

Por fim, ontem tive outra surpresa, já que eles introduziram grandes vozes e uma bela secção de metais para os acompanhar, não deixando ninguém numa observação passiva. Foi com enorme alegria que vi um público nada tímido, entregue de alma e coração, sempre com a dança no pé e as letras na ponta da língua, inundando o Hard Club de música boa, mas também de muito carinho e amor.

Façam um favor a vocês mesmos: vejam estes meninos senhores ao vivo, onde quer que seja e surpreendam-se com a qualidade da música que se faz em Portugal. E para quem gosta do género de música não há nada melhor, prometo!

9 comentários:

  1. Estou totalmente de acordo com a distância que, por enquanto, os portugueses ainda têm em relação a este género. Talvez, por questões culturais. Algum preconceito. Não entendo.
    Nunca os ouvi ao vivo, mas conheço alguns temas e sou fã. Insistir na língua portuguesa, agrada-me.
    E Raquel, quando se gosta, apenas por ir de encontro ao nosso gosto pessoal ou porque, a par disso, o projecto nos fala às relações, é igualmente legítimo :)

    ResponderEliminar
  2. Eu sou fã pelas duas razões e continuo a dizer que é um óptimo projecto!*

    ResponderEliminar
  3. Eu gosto imenso deles, já os conhece há imenso tempo, pois o Joel da bateria trabalhou com o meu namorado :) só os vi ao vivo num concerto pequenino na Fnac, mas adorei, eles são muito boa onda e a música é cheia de boa energia :)

    ResponderEliminar
  4. Ju, isto é só coincidências ;) Um dia temos de nos conhecer pessoalmente e passar as barreiras todas!

    ResponderEliminar
  5. Oh, concordo Raquel :)
    O que aconteceu ao teu Gizmo? :/ Aquele bicho lindo e peludo chama-se Mia, e é a gata mais charmosa do bairro hehehe

    ResponderEliminar
  6. Ju: infelizmente faleceu, mas já foi há muito tempo... Ainda assim, deixa muitas saudades, já que era também o charme lá da zona! ;)

    ResponderEliminar
  7. Foi realmente excepcional e concordo plenamente com tudo que dizes!
    Seria muito bom que eles cá viessem ao norte mais vezes, faz falta aquela boa energia :)

    ResponderEliminar
  8. Sofia: quem nos dera ter mais sábados à noite como estes!*

    ResponderEliminar
  9. Ora, nem mais :) Eu já só pedia um de vez em quando, para recarregar baterias'!
    Soube tão bem, sai de alma e coração cheio. Respirava-se boa ambiente e excelente música! :)

    ResponderEliminar