20/12/2013

#40 . Old is new

A antiguidade está na hora de ponta.
Sempre adorei peças com história e ontem de manhã tive uma surpresa enorme ao encontrar uma livraria/alfarrabista num lugar que passo muitas vezes, mas que nunca tinha reparado, com a colecção de livros mais incrível que já vi. A entrada era bonita, mas a admiração maior foi quando desci as escadas para uma biblioteca pequena, mas nada tímida de maravilhas. Tive quase medo de passar as mãos nas lombadas com mais tempo do que os meus pais e avós, com receio que algo se quebrasse, mas a minha vontade era de saber aquelas narrativas todas, sem deixar pormenores de parte. Foi um achado de sítio e que me deixou a pensar que devem existir muitos outros escondidos por aí. Alguém me conta um segredo desses? :)

4 comentários:

  1. tão bom :) gosto tanto desses sítios, e o cheiro dos livros? um encanto :) tenho que procurar uma dessas em Lisboa que, com certeza, não devem faltar :) **

    ResponderEliminar
  2. Sou um fã assumido deste título, por curto lhe caber tanta coisa. Porque me chamam a atenção as peças, os livros e a arquitectura passada. Com passado. Este lugar, por exemplo, que a fotografia marca, chamar-me-ia, tal o encanto. Depois, havendo livros, para mim seria o suficiente. Em tempos, levaram-me a conhecer um lugar majestático, intocável, com sérios anos. Encantei-me. Porque o velho tem tanto :)

    ResponderEliminar
  3. A fotografia é doutro sítio, mas esta maravilha é mesmo em frente ao Café Aviz ;)

    ResponderEliminar