30/05/2014

Curiosidades: e depois do almoço?

Às vezes, o sono é inevitável depois de almoçarmos, controlando grande parte da nossa tarde. Mas porque é que isso acontece?

A resposta deve-se ao facto do nosso corpo ter a sensação de uma falsa hibernação, mesmo quando os alimentos chegam ao estômago e uma maior concentração do fluxo sanguíneo nessa região para facilitar o processo digestivo. Da mesma forma, o cérebro fica menos oxigenado e o sistema nervoso está menos irrigado, resultando numa reacção de sonolência. Por outro lado, existe também uma interrupção do estado de alerta cerebral, já que o açúcar dos alimentos ingeridos adormecem as células nervosas, que param de libertar sinais de alerta. O açúcar envia ao cérebro um estado de saciedade, que promove o ciclo de interrupção do estado de alerta e, consequentemente, o sono. 

Para reduzir este facto, basta diminuir a ingestão de açúcar, ou de alimentos ricos em glicose, principalmente à hora do almoço, para que os sinais de alerta das células nervosas não sejam interrompidos. À sexta deve ser mais difícil de controlar este sono! ;)

2 comentários:

  1. sono e frio! visto sempre um casaquinho depois de comer. a siesta é, portanto, compreensível eheh

    ResponderEliminar