19/06/2015

Curiosidades: o preço da Amizade

Uma pesquisa da Universidade de Tilburg, na Holanda, chegou à conclusão que o dinheiro é mais importante que os valores que as pessoas carregam, já que são capazes de gastar muito dinheiro para forjar amizades e vínculos afectivos. A justificação para este facto é simples, já que cada um de nós tem um desejo intrínseco em sentir-se incluído. Desta forma, as pessoas que se sentem emocionalmente excluídas são capazes de sacrificar o seu desenvolvimento pessoal e o seu bem estar em troca de maior aceitação, incluindo o pagamento para ter amigos ou apenas dar presentes excessivos. Estas pessoas são também capazes de comer alimentos que não gostam ou (ab)usar drogas ilícitas contra a sua própria vontade para se sentirem queridas.

2 comentários:

  1. Ai, nossa! Eu não tenho muitos amigos (tenho os necessários) e apesar de em grupos grandes me sentir muitas vezes de parte nunca seria capaz de fazer isto. Acho que mais vale só ou então penso que os outros é que perdem (assim numa de autoconfiança).

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
  2. Raquel,
    Já te disse aqui outras vezes e é bem certo. As Curiosidades que vais partilhando são um excelente mote para a discussão. Factualmente, teremos, grande parte das vezes, o tema que trazes, no consciente, mas o tempo passa e deixamos sempre para pensar depois. Vale a pena pegar e levar :)
    Um beijo.

    ResponderEliminar